Neste mês acontece uma campanha que me emociona muito! O Setembro Amarelo aborda um tema que, embora triste e angustiante, não pode ser deixado de lado. Isso porque o suicídio acontece muito entre os jovens brasileiros e do mundo todo. Por isso, venho aqui hoje de coração aberto fazer um alertar importante.


Nós, pais, mães e sociedade, precisamos ter mais cuidado e empatia com a dor alheia. Mas, principalmente, ter atenção aos estímulos que nossas crianças e jovens recebem com o acesso à internet. Digo isso porque não é raro surgirem pseudo “desafios” na web, em que ensinam crianças a praticarem atos contra a própria vida.

Fica aqui o alerta para papais e mamães ficarem de olho e darem muito amor e orientação aos seu filhos, já que crianças esclarecidas, assistidas e cuidadas correm menos riscos!