Um estudo recente mostrou que quem come carboidrato abaixo do recomendado por dia (em torno de 45% a 65% do total de calorias diárias) têm 18% mais chance de ter doença cardíaca. A pesquisa chinesa foi publicada numa das revistas científicas mais conceituadas do mundo, a da sociedade americana de cardiologia.


É o que sempre falo no consultório para os pais: equilíbrio é tudo . Procure incluir na sua alimentação e do seu filho todos os tipos de alimentos, com presença de carboidratos saudáveis (como pães integrais, batata-doce, etc), gorduras saudáveis (abacate, oleaginosas), proteínas e fibras de boa qualidade (frutas, verduras e legumes).

Harmonia no prato, sem radicalismo, pessoal, é sempre a melhor pedida!

Dica Dra. Vanessa Guimarães