Olá meus queridos, tudo bom? Não gosto muito de trazer notícias tristes aqui, mas nosso Brasil está em 2º lugar no ranking mundial em número de casos de COVID-19.
Sei que estão aqui rolando a tela muitas vezes até para distração de tudo o que estamos vivendo, Mas infelizmente estamos no ranking e isso me faz vir aqui tentar trocar umas ideias com vocês.
Nós tivemos a triste oportunidade de ver o que acontecia na China, na Itália e até em Nova Iorque quando tudo começou a ser noticiado aqui no Brasil. Podíamos nos prevenir desse 2º lugar no ranking.

Tivemos a oportunidade de suspender o Carnaval, de fazer um isolamento segmentado com medidas de distanciamento, turnos de trabalho mais curtos e menor aglomeração.

Nós tivemos a oportunidade de ver o mundo usando máscaras e ficamos por um bom tempo desdenhando o uso aqui. Comigo mesma, perdi as contas de quantas vezes ouvi que era exagero eu estar de máscara…
Nós tivemos a chance de prevenir, mas preferimos remediar (sendo que dessa vez nem remédios temos).
Tenho receio que estejamos em 1º lugar, pois esses números são subestimados já que não há testes laboratoriais para todos.
Mas daí, quando devíamos nos unir e ter nossos governantes gerindo nossa segurança, nossa economia e nossas vidas, tudo virou briga política e desvirtuou nossa luta contra o coronavírus.
Hoje não há sentido em se preocupar com quem é ou não grupo de risco, pois o risco está em frente a todos, Mas vamos seguir, vamos retomar nossas forças! Vamos tentar nos reerguer mesmo diante de tanta tristeza e perdas irreparáveis!
Cada vida importa, a sua vida me importa e a minha vida importa pros meus! Cada vida poupada é o que tem que nos mover a nos proteger!
Distanciamento é o mínimo, usar máscaras é o mínimo, não ver os parentes por um tempo indefinido é o mínimo! Compare com perder vários parentes, amigos e conhecidos… A sua, a minha, a vida de todos é o máximo!!
Pratique o abraço virtual, o amor ao próximo e o amor próprio! Ajude quem precisa e notará que o bem que fizer voltará ainda mais firme e forte para você!

#fiqueemcasa

– Dra. Vanessa Guimarães: Cardiologia pediátrica, UTI cirúrgica e Transplante Cardíaco –